• Colar Pataxó Maracandiba
  • Colar Pataxó Maracandiba
  • Colar Pataxó Maracandiba
  • Colar Pataxó Maracandiba
  • Colar Pataxó Maracandiba

Colar Pataxó Maracandiba

  • Colar
  • Ref: PT-GS-000001

R$ 60,00

Dimensões em cm (circunferência): 28

 Colares, brincos e pulseiras

Os artesãos Pataxó são extremamente inventivos e estão sempre brincando com as formas e os desenhos.  Usando sementes como as tento-carolina (ou Falso Pau-Brasil), maracandi, açaí além de materiais como piaçava, osso e chifre, as peças Pataxó devem ser guardadas longe da umidade, sempre limpas e em ambiente arejado para maior durabilidade.

 

A Aldeia de Barra Velha e a Tucum

A cadeia do artesanato Pataxó segue uma organização interna e própria, onde o cacique  elege “representantes comercias”, que partem da aldeia para vender os artigos produzidos manualmente pelos artesãos. Foi assim que conhecemos o Araçari, fornecedor que já era parceiro da Tucum e nos encantava com artigos lindíssimos vindo da Aldeia de Barra Velha, BA, que segundo evidências, existe há mais de dois séculos e meio, algo em torno de 1767.

 

No início deste ano de 2015, fomos visitar o sul da Bahia e conhecer de perto os artesãos Pataxó. Araçari e toda a aldeia nos receberam de braços abertos, compartilhando todo o processo criativo e os modos de fazer de seu artesanato. Saímos de lá com brincos, colares, gargantihas e pulseiras que representam toda a criatividade e a exuberância da arte Pataxó.

 

Etnia: Pataxó

Língua/Tronco linguístico: Pataxó

 

Habitantes do norte de Minas Gerais e do sul da Bahia, os Pataxó estão em contato com não-índios desde o século XVI e muitas vezes foram obrigados a esconder seus costumes. Entretanto, desenvolveram o hábito de viajar e visitar outras aldeias, promovendo assim um compartilhamento de tradições Pataxó, entre elas, o artesanato, que através da troca de sementes e outras matérias-primas torna-se cada vez mais rico.


Fonte: Instituto Socioambiental / ISA. http://pib.socioambiental.org/

 

Localização: BA, MG

População:  11.833 (Funasa, 2010)

Localização

Localização Ticuna